Você sabe o que é portaria virtual ou remota? – S4C Construções

Você sabe o que é portaria virtual ou remota?

Prática tem sido alternativa para condomínios que buscam economia de recursos e mais segurança

 

Portaria virtual ou remota é um conjunto de recursos tecnológicos baseados em hardware, software, segurança eletrônica e automação, que permitem a um profissional de portaria fazer atendimentos remotos a mais de um condomínio. Os primeiros protótipos de portarias virtuais começaram a ser implantados há pouco mais de dois anos. Esta prática pode ser considerada nova ainda, e não está disponível em todos os estados brasileiros, apesar de já ser possível perceber um crescente aumento no interesse por parte dos condomínios, já que reduz custos e aumenta a segurança.

A principal característica da portaria virtual é que ela permite ser operada remotamente, sem que haja prejuízo para o atendimento. Um operador remoto consegue ver e conversar com o morador ou visitante, além de permitir o acesso das pessoas ao condomínio, tanto pela garagem quanto pela entrada social, sempre mediante autorização. Este tipo de portaria permite o registro de todos os diálogos, comandos e de todas as imagens, que podem ser utilizados posteriormente.

O impacto que a portaria virtual causa no condomínio é bastante representativo, podendo chegar à ordem de 50% de economia em relação a uma portaria 24 horas, presencial e terceirizada. Quanto à segurança, os procedimentos de controle de acesso passam a ser mais rigorosos, reduzindo significativamente a probabilidade de crimes, como arrastões, aos condomínios.

 

Investimento

 

Existem empresas que vendem o serviço completo de implantação da portaria virtual, mas os especialistas aconselham que o condomínio invista em organizações que trabalhem como parceiras, desde a segurança eletrônica, que instalam e dão manutenção aos equipamentos do condomínio, até o monitoramento remoto, que operam a portaria à distância.

Entre os equipamentos que são utilizados estão o Porteiro Eletrônico, gateways VoIP, roteadores para múltiplos canais de Internet, sistema de acionamento de automatizadores de portões, leitores de tag ou biométricos e CFTV. Como cada portaria tem um perfil de atendimento, os aparelhos podem ser diferentes entre uma instalação e outra, portanto, os custos são variáveis, mas podem ficar em torno de R$ 14 mil.

 

Mão de obra

 

Apesar de a portaria virtual dispensar a presença de um porteiro, ela não dispensa completamente os funcionários. Em condomínios grandes, com muitas unidades autônomas e alto fluxo de visitantes, não é recomendável prescindir da portaria presencial.

Em outros casos, os porteiros que, hoje, trabalham presencialmente podem passar a trabalhar com a operação remota. Apesar de ser virtual, a portaria não é totalmente automática; ela precisa de um operador à distância. Surge, assim, uma oportunidade para que os profissionais se “reciclem”, incrementem sua atuação e aumentem seus ganhos, exercendo a função de operador remoto de portaria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *